Guia do Freela

Trabalho Remoto x Home Office: diferenças, vantagens e onde o freela se enquadra

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Quem nunca ouviu falar que alguém está em trabalho remoto? Ou que uma outra pessoa trabalha home office? Mas você já se perguntou se trabalho remoto e home office são as mesmas coisas?

Para esclarecer essa questão, é preciso ir um pouco mais a fundo sobre o significa dos termos e suas características. E como sempre falamos de freelancer por aqui, vale “investigar” em que área os freelas se enquadram nesse meio.

Logo de cara, o que você precisa saber é que trabalho remoto não é home office! Porém, o home office é uma possibilidade dentro do trabalho remoto.

Ficou confuso? Então, continue a leitura para entender tudo sobre essas modalidades de trabalho!

O que é Trabalho Remoto e o que é Home Office?

Inicialmente, vamos entender o que é trabalho remoto e home office.

Estar em um trabalho remoto significa que você pode trabalhar do local que você preferir, mesmo fazendo parte de uma equipe. Esse local pode ser um espaço de coworking, um café, uma biblioteca ou o seu home office.

Além disso, muitas empresas que permitem o trabalho remoto possuem um ponto físico, onde os profissionais podem trabalhar em uma sede própria se eles preferirem.

Na prática, o trabalho remoto não está vinculado a um local específico, e os trabalhadores remotos podem estar em qualquer lugar, não necessariamente dentro de suas casas.

Por outro lado, um trabalho em home office é aquele que você fará somente dentro da sua casa. Muitas vezes, não há um escritório da empresa onde você pode visitar.

Nesse sentido, quando alguém está em home office, significa que está executando suas funções profissionais no ambiente de sua própria casa.

Por isso mesmo, consideramos que o home office é apenas uma das muitas formas de trabalho remoto.

Trabalho remoto e home office podem ter vínculos empregatícios ou contratuais, ou ser uma contratação por projeto ou por período.

Mulher trabalhando em home office.,

Quais são as vantagens e desvantagens de cada modalidade?

Por mais que essas modalidades de trabalho tenham se popularizado nos últimos anos, não existem somente pontos positivos (ou somente pontos negativos) no trabalho remoto e home office.

A verdade é que, como qualquer outro formato de atuação ou mesmo campo profissional, existem vantagens e desvantagens dentro de cada modalidade.

Confira os pontos principais, a seguir!

Trabalho remoto

Dentro dos pontos positivos, o trabalho remoto traz a flexibilidade como destaque. Os trabalhadores remotos geralmente têm maior liberdade em termos de horários de trabalho e gerenciamento de sua própria agenda.

Outro ponto positivo é a economia de tempo e dinheiro, eliminando longas horas de deslocamento ou mesmo de pagamentos em refeições e roupas.

E, dependendo da função, ter a possibilidade de escolher onde você vai trabalhar naquele dia permite tanto fazer viagens fora de temporadas turísticas, ou optar por locais mais silenciosos.

Por outro lado, o trabalho remoto traz como desvantagem um desafio na comunicação das equipes. Muitas vezes, algo que poderia ser resolvido em uma conversa de 5 minutos, leva horas para ser concluído, já que cada um faz suas tarefas de acordo com seus próprios planos.

Além disso, há uma necessidade maior de autogerenciamento de tempo. Evitar misturar a vida pessoal e o trabalho pode ser muito complexo.

Home office

Como você viu, o home office é uma forma específica de trabalho remoto realizado a partir de casa. Por isso, além de considerar as vantagens e desvantagens do trabalho remoto, é interessante analisar outros aspectos dessa modalidade.

Por exemplo, ao fazer um trabalho home office, você consegue ajustar a sua agenda pessoal de acordo com as suas demandas profissionais. Isso dá mais autonomia para o trabalhador, sendo que pequenas pausas ao longo do dia podem ser muito positivas.

Entretanto, os desafios do home office existem! Quem mora com a família pode encontrar dificuldade em lidar com as distrações domésticas e familiares.

Além disso, a falta de estrutura pode ser um problema. Não ter um escritório adequado para trabalhar, pode gerar queda na produtividade e até mesmo problemas de saúde.

Mas onde o freela entra nisso tudo?

O freela se enquadra em ambos os cenários! De fato, o trabalho freelancer é muito dinâmico, e pode fazer parte do trabalho remoto e home office de igual maneira!

Mas vamos por partes! Como freelancer, você pode optar por prestar serviços para uma empresa específica como trabalho remoto. Você pode realizar suas tarefas de um coworking, da casa de um amigo, de um espaço público ou até mesmo enquanto faz suas viagens.

Mulher trabalhando de casa.

No home office, a lógica é a mesma! A diferença é que, como freelancer em home office, você terá um espaço de trabalho dentro da sua casa, e criará uma estrutura de produção em que está diariamente nesse ambiente.

Na hora de buscar vagas, saiba que você pode trabalhar em projetos remotos. Algumas empresas vão exigir algum tipo de vínculo trabalhista e, neste caso, cabe à você definir se faz sentido ou não para suas metas e objetivos.

E o nômade digital?

Um nômade digital é uma pessoa que adotou um estilo de vida que lhe permite trabalhar remotamente enquanto viaja e explora diferentes lugares ao redor do mundo.

Na prática, essas pessoas geralmente utilizam a tecnologia, como a internet de alta velocidade e dispositivos móveis, para realizar seu trabalho. E é isso que permite flexibilidade geográfica e independência em relação a um local de trabalho físico.

O nômade digital é um trabalhador remoto, visto que geralmente não possui uma residência fixa para ter um home office.

Além disso, um freelancer pode também ser um nômade digital, se trabalha por projetos para diferentes empresas.

Agora, se a pessoa trabalha sempre para o mesmo cliente, com contratação oficializada, é um trabalhador remoto que está vivendo uma experiência nômade!

Freelancer, trabalho remoto e home office

No final, tanto trabalho remoto quanto home office funcionam para o universo freelancer.

Entretanto, é muito importante ter em mente que a experiência de trabalhar em home office pode variar significativamente de pessoa para pessoa e de empresa para empresa.

Algumas pessoas prosperam no ambiente de home office, enquanto outras preferem a estrutura de um escritório tradicional. Há também quem prefira mudar o ambiente de trabalho sempre que possível.

Desde a pandemia, muitas empresas optaram por adotar modelos híbridos que permitem aos funcionários alternar entre o trabalho em casa e no escritório, buscando equilibrar as vantagens e desvantagens de cada opção.

Para o freelancer, a popularização desse tipo de trabalho também significa uma abertura maior de possibilidades profissionais. Cabe à você, escolher o que faz mais sentido e aproveitar o mercado!

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /guiadofreela_

Obrigada e até a próxima!

Leia também: Como montar um home office?

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *