Guia do Freela

Quais são os melhores sites para portfólio? Conheça 7 opções!

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Independentemente da área freelancer que você escolha trabalhar, você precisará de um espaço para apresentar suas produções. É aí que entram os sites para portfólio que, hoje, podem ser encontrados para diferentes propostas e formatos.

É importante ter em mente que alguns sites de portfólio são focados em determinados serviços. Por isso, escolher o melhor para você é uma tarefa que deve levar em consideração o que você pretende disponibilizar para seus visitantes.

Para facilitar sua busca, confira a lista abaixo! São 7 opções que cobrem as mais diversas necessidades dos freelas. Certamente, você vai encontrar algo que se encaixe com o que você precisa!

O que são os sites para portfólio?

Antes de trazer as opções, vamos entender exatamente o que são os sites para portfólio?

Basicamente, são plataformas online que permitem aos profissionais apresentarem seus trabalhos. É como se você criasse um “site próprio”, mas dentro de um ambiente virtual, onde consegue fazer o upload de peças que merecem destaque.

Tela de computador exibindo várias imagens. O monitor está em cima de uma escrivaninha, que acomoda ainda um smartphone. Ao fundo, uma estante.

Uma vez que você tenha um portfólio online, pode enviar apenas o link para o seu potencial cliente, para que ele tenha uma noção sobre o que você faz. Você também consegue trabalhar palavras-chave para aumentar as chances de ser encontrado em pesquisas do Google ou dentro da plataforma escolhida.

Qualquer freelancer deve manter um site de portfólio – e atualizá-lo com frequência! Essa é uma ótima maneira de aproveitar a internet para ser visto!

7 opções de sites de portfólio

A seguir, você vai conhecer 7 sites para portfólio disponíveis no mercado. Entretanto, existem várias outras opções possíveis.

Assim, se você não gostar, de fato, de nenhum item da lista, pode continuar sua pesquisa online para conhecer algo da sua preferência.

Dito isso, vamos à lista!

1. Behance

Não tem como começar essa lista de outra maneira: precisamos falar sobre o Behance!

Essa plataforma é uma das mais conhecidas entre os freelancers. Sua relevância é tão grande que, hoje, faz parte da Adobe – sim, a mesma dos softwares de design!

O Behance é especialmente útil para apresentar projetos gráficos. Assim, designers das mais variadas categorias tem um espaço simples e prático para compartilharem trabalhos.

A plataforma aceita recursos em vídeo, imagem e até em PDF. Quando você cria um novo projeto, pode adicionar uma descrição mais completa. E, com uma lógica de “rede social”, você pode observar outros profissionais e se conectar com eles.

2. Contently

Se o seu foco for trabalhar com redação, então a Contently vai fazer toda a diferença na divulgação dos seus projetos!

O visual do site é claro e intuitivo, e possibilita duas ações aos redatores: inserir o link do artigo publicado ou disponibilizar um PDF com o conteúdo.

Pelo Contently, é possível que os clientes encontrem freelas de seu interesse. O freelancer pode completar um espaço de perfil, incluindo os endereços de suas redes sociais.

3. Ello

Enquanto o Behance e o Contently são sites para portfólio especialistas em algumas profissões, o Ello tem como proposta disponibilizar projetos online dos mais variados profissionais.

Seja você um redator, fotógrafo, ilustrador, arquiteto ou outras profissões, você tem a possibilidade de fazer o upload de seus trabalhos principais.

Uma curiosidade é que o Ello foi criado por um grupo de designers, com a ideia de ser uma rede socialmas sem anúncios! Assim, mais do que um portfólio, por aqui você pode interagir com outras pessoas criativas.

4. GitHub

Agora, se o seu foco for tecnologia, programação e software, então você precisa conhecer o GitHub!

O GitHub não é, propriamente, um site de portfólio. Na verdade, trata-se de uma plataforma para hospedar código-fonte e arquivos com controle de versão.

Acontece que, por permitir que os programadores contribuam em projetos privados e de Open Source, acabou se tornando uma rede de troca e uma forma de apresentar o que um freela está criando.

Vale frisar que, no GitHub, não há espaço para outros tipos de portfólio. Assim, se você for programador, não deixe de aproveitar essa plataforma!

5. DeviantArt

Uma ótima opção para os ilustradores é o DevianArt, um dos sites para portfólios mais antigos que temos.

Basicamente, a plataforma permite que você crie uma conta e apresente suas produções da maneira que preferir. É possível personalizar sua página de diferentes maneiras, o que dá mais liberdade.

Dentro do DeviantArt também é possível comercializar seus produtos. Nesse caso, é preciso entrar para um plano pago, em que um usuário pode comprar uma arte sua em maior qualidade e o próprio site faz toda a parte de cobrança e pagamento.

6. Dribbble

Talvez você já tenha ouvido falar no Dribbble, mas como um site freela.

Acontece que, além de unir clientes e freelancer, o Dribbble também tem um espaço interessante para publicar o seu portfólio.

Além de designers, profissionais como redatores e fotógrafos conseguem aproveitar os recursos dessa plataforma. Há também a possibilidade de interagir com outros freelas, já que um dos pontos altos desse site é sua comunidade.

7. Carbonmade

Por fim, uma última opção é o Carbonmade, que é considerado como um dos primeiros sites para portfólio da história.

O Carbonmade é uma opção interessante por que abraça uma ampla gama de freelas: redatores, designers, fotógrafos e até pessoas que fazem planilhas e querem comercializá-la conseguem usar o site!

Uma vez que você entre no site, pode escolher o layout do seu portfólio e seguir as instruções da tela. Embora tenha uma versão paga, a opção gratuita também é interessante.

Extra: faça seu próprio espaço

Como você viu, existem várias opções de sites para portfólio que você pode conhecer e testar.

Entretanto, você também tem a possibilidade de construir o seu próprio espaço online.

Mulher sentada usando um notebook. O notebook está em seu colo e ela olha para a tela. As duas mãos estão sobre o teclado.

Nesse sentido, uma primeira opção é usar suas contas de redes sociais. Seja no Instagram, TikTok ou mesmo LinkedIn, é possível publicar seus conteúdos por meio dessas plataformas.

Você também pode criar um site por meio de uma plataforma. Tanto o WordPress quanto o Wix possuem versões gratuitas, que permitem que você monte uma página online só sua!

Mas atenção: não use o Google Drive ou um site feito no Canva para manter seu portfólio!

Esses dois recursos não são indexáveis pelos mecanismos de buscas. Ou seja, se um usuário pesquisar no Google “designer gráfico em Brasília”, mesmo que você tenha esses termos no seu portfólio, não será apresentado nos resultados se usar o Google Drive ou o site do Canva!

No mais, lembre-se de reservar um tempo para montar seu portfólio com cuidado e sempre se dedique a mantê-lo atualizado!

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /guiadofreela_

Obrigada e até a próxima!

Leia também: Avaliador de mídia social do Google é uma profissão? Entenda!

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Picture of Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *