Guia do Freela

Digitador de marketing online é furada?

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Digitador de marketing online, avaliador de mídias, digitador digital… Você já viu um desses termos pela internet? 🤔

Eu não conhecia esse tipo de trabalho até receber uma mensagem de uma leitora do Guia do Freela. Ela me contou sobre um site que prometia ensinar como ser tornar um digitador de marketing online ao fazer parte do programa home office lucrativo.

Porém, existia um detalhe: era preciso pagar uma taxa 💸 para ter acesso a um material que ensina a função e, em alguns casos, para se cadastrar em uma plataforma freela.

Como eu achei a história bem estranha, comecei a pesquisar para entender exatamente o que é isso e até comprei o tal curso para compartilhar com você, que quer trabalhar em casa, e achou que esse seria um bom começo.

Por isso, nesse artigo, eu vou responder se trabalhar como digitador online é algo real, o que é isso e vou dividir minhas impressões sobre o tema. Tem vídeo sobre o tema também! 👇

O que é digitador online ou avaliador de mídias?

Não faz muito tempo que eu descobri um tipo de trabalho home office chamado digitador de marketing online ou avaliador de mídias.

E para entender melhor sobre essas funções, precisei reservar um tempo para pesquisar a fundo.

Nessa pesquisa, encontrei vários sites anunciando que era possível trabalhar como digitador de marketing online ou avaliador de mídias, mesmo sem experiência.

Mas quais são as funções atribuídas a esses profissionais?

A promessa por trás do trabalho de digitador online ou avaliador de mídias é atuar em tarefas simples e pequenas. Como:

  • Fazer avaliações em páginas online;
  • Responder pesquisas;
  • Inserir comentários em posts;
  • Fazer pequenas atividades de suporte;
  • Digitar materiais;
  • Tirar fotografias, enfim.

Em um primeiro momento, olhando cada uma dessas tarefas separadamente, é fácil perceber que são funções que realmente existem.

Inclusive, existem um site chamado Picoworkers que é focado nessas pequenas tarefas, e que eu já analisei aqui no blog.

Porém, todas essas páginas que pesquisei diziam que para trabalhar como digitador de marketing online ou avaliador de mídias era preciso comprar um curso que ensinasse a função.

No curso, o usuário iria aprender o caminho para conseguir vagas nessa área, podendo trabalhar para grandes portais, como Google e Facebook.

Os preços para o curso variavam bastante, começava de R$89, sendo que eu comprei um por R$39.

Apesar de não serem cursos do mesmo produtor de conteúdo, os módulos em si de todos eles eram bem parecidos, como você pode notar nas imagens abaixo. 👇

E, com base nessas informações, é fácil imaginar que todos os cursos compartilham as mesmas dicas.

Alguns nomes de cursos com essa mesma temática são: home office lucrativo, Digitador de Marketing Online 2.0 e Avaliador de Mídias.

Mas o que exatamente esses cursos apresentam?

Cursos de digitador de marketing online

Uma das primeiras coisas que reparei ao acessar a página de vendas do curso é a promessa de trabalhar para grandes empresas.

Na página de vendas, a gente vê vários nomes de marcas famosas, como Facebook, YouTube, LinkedIn, que são algumas das contratantes que, segundo a descrição, você poderá trabalhar.

Curso digitador de marketing online promessas

Mas quando tive acesso ao curso, não demorei a perceber que o freelancer não vai trabalhar diretamente para essas grandes marcas.

O curso vai ensinar a se cadastrar em plataformas freela, que essas sim, dizem que prestam serviços para grandes empresas.

Nas aulas, o curso mostra como você pode se cadastrar em uma plataforma, dá dicas para ter mais chances de ter um cadastro aprovado e apresenta uma visão geral de cada site.

O detalhe, que eu acho bem importante lembrar, é que não é porque a pessoa se cadastrou em um site freela que ela vai conseguir trabalhar.

Esse “detalhe” já vai contra uma das promessas mais frequentes desse tipo de material, que é a garantia de ganhar dinheiro home office em funções simples.

promessa home office lucrativo digitador de marketing online

Tenho sensação de que muita gente que comprar vai se sentir frustrada quando não tiver o retorno esperado. 😞

Além disso, alguns desses cursos vendem o material como se fosse dar ao usuário a oportunidade de entrar em uma plataforma freela. Mas a real é que o conteúdo só indica nomes de sites, para você se cadastrar se quiser.

Algumas dessas plataformas freelas que eu vi no curso eu não conhecia, o que já foi um ponto positivo. 👍

Mas fiquei pensando: será que esses sites não seriam fáceis de achar no Google ou mesmo no YouTube, sem precisar pagar por isso? 🤔

Home office afiliado

Uma outra coisa que percebi assim que acessei a página do curso é que o usuário pode ter um link de afiliado a partir do momento que entra na plataforma.

afiliado curso marketing digital

Isso explica por que existem vários vídeos no YouTube sobre cursos de digitador de marketing online ou avaliador de mídias, falando bem ou mal do conteúdo, mas que sempre apresentavam um link na descrição 🤔

Ou seja, quem fez o curso e cria um vídeo de opinião para postar no YouTube, também pode ganhar um dinheirinho ao se tornar afiliado do conteúdo. E, para ser sincera, acho até uma boa forma de recuperar o investimento.

A propósito, você não vai encontrar um link de afiliado neste artigo, porque não achei que era um conteúdo tão bom que valesse minha recomendação.

Mas, se você quer conhecer um bom material sobre trabalho freelancer, feito com todo amor e cuidado, tem meu e-book na imagem abaixo 💛

ebook como começar um negócio freelance

Então, é furada?

Não sei se podemos dizer que esse tipo de trabalho é uma furada. Afinal, as pequenas funções de trabalho freela, existem. Fazer transcrições de vídeos, dica que compartilhei aqui, é um bom exemplo desse tipo de tarefa.

Porém, as promessas de trabalhar como digitador online ou avaliador de mídias nada mais são do que iscas para um curso.

E saiba que não tem nenhum problema comprar um curso para se especializar em algo.

O problema maior é que, normalmente, esses cursos carregam uma falsa garantia de que o investimento vai converter em lucro depois. Mas não existe garantia.

A realidade é que você não precisa pagar por um curso para conseguir trabalhos nessas pequenas funções – à menos que você queira muito.

Se não, saiba que existe muito conteúdo bom gratuitamente na internet. O Guia do Freela, que você está agora, é um bom exemplo 🤗

Trabalhar online, em casa, é possível. Mas não tem nenhum glamour ou fórmula mágica para viver de home office. Tem muito trabalho e dedicação em plataformas sérias.

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /bmarzarotto

Linkedin: /brunamarzarotto

Obrigada e até a próxima!

Leia também: O que é freelancer?

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados
Homem com semblante preocupado enquanto olha para a tela do notebook. Com uma mão ele segura o mouse, e com a outra apoia a cabeça. Ele está sentado em uma cadeira, em frente a uma mesa. Ao fundo, uma sala de estar.
Carreira freela
Não consigo freelas, e agora?

Você preparou seu portfólio, se cadastrou em sites freelancers e, ainda assim, está dizendo “não consigo freelas”? Calma, tem solução!

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *