Guia do Freela

O que é freelancer? Saiba tudo sobre esse trabalho

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Quando falamos de meios de trabalho diferentes dos tradicionais, o freelancer é sempre citado. Mas você sabe definir o que é freelancer?

Ainda que esse modo de trabalho exista já há algum tempo, muita gente tem dúvidas sobre o que é um freelancer e o que esse profissional faz.

Se você quer saber o que é freelancer, continue nesse artigo e saiba tudo sobre a modalidade de trabalho!

O que é freelancer?

O freelancer é um profissional que atua sem vínculos à uma só empresa.

Geralmente, oferece seus serviços ou produtos de forma independente e por contratos de curta duração.

Assim, as duas características principais de um profissional freela são: trabalhar por conta própria e por projeto.

O mais frequente é que os freelancers atuem em áreas ligadas a tecnologia. Por isso, conseguem trabalhar de qualquer lugar, para qualquer cliente.

O que é freelancer? Baixe o checklist!

O que significa freelancer?

Mas o que significa freelancer, a palavra em si?

Em uma rápida análise, podemos identificar duas palavras em inglês, juntas: Lance = Lança; Free = Livre.

Lança livre?

Por mais confuso que pareça, a palavra faz sentido quando entendemos o contexto que ela foi utilizada pela primeira vez.

De acordo com pesquisas, o termo freelance foi criado por Sir Walter Scott, que o utilizou em seu livro Invanhoé, em 1819.

No livro, um personagem oferece seu serviço a outro, sendo este o serviço de “lanceiros livres” ou free lances.

Assim, com o tempo, o que significa freelancer mudou e a definição atual é um profissional que trabalha de forma independente.

O que é preciso para ser freela?

Depois que você entendeu o que é um freelancer, pode estar se perguntando o que é preciso para trabalhar nesse formato.

Nesse sentido, podemos separar o que é necessário para ser freela em três elementos:

  1. Tipo de serviço oferecido
  2. Equipamentos de trabalho
  3. Preparo profissional

Primeiramente, temos a escolha de um serviço freela, que possa ser realizado por projeto ou por contrato.

É comum encontrar freelancers designers, programadores, redatores, e outras profissões que não exigem um contrato de longo prazo.

Assim também, temos os equipamentos de trabalho, que para um freela costumam ser um bom computador e uma internet de qualidade.

Isso porque, como boa parte dos serviços são feitos à distância, é preciso ter uma conexão que permita o envio dos projetos.

Por fim, para ser um freelancer é preciso estar bem preparado na sua área. Isso inclui a realização de cursos e a atualização constante.

Afinal, assim como não existem barreiras geográficas para trabalhos freela, não existem limitações para a concorrência.

Quais são as áreas mais comuns para trabalhar?

Enfim, quando pensando na definição de o que é freelancer, podemos encontrar algumas similaridades com os profissionais autônomos.

E apesar de ambos trabalharem sem vínculos, a principal diferença entre um freelancer e um autônomo é o tipo de serviço oferecido.

Isso porque os freelas costumam realizar serviços ligados à tecnologia.

Dentro dos serviços oferecidos pelos freelas, existem alguns mais comuns. Abaixo, você encontra alguns deles, separados por áreas

Escrever: Copywriting, artigos, revisão, tradução entre idiomas, ghost-writing, conteúdo para web, redação publicitária.

TI e Programação: Sites, desenvolvimento de e-commerces, wordpress, programação de software, programação de apps, data science.

Marketing: SEO, Google e Facebook Ads (Tráfego Pago), estratégia de vendas, criação de conteúdo.

Design: web design, artes para redes sociais, vídeo, animação, materiais impressos, ilustração, landing page, infográficos, logomarcas.

Ensino: idiomas online, mentoria, tutoriais e treinamentos.

Administração: assistente virtual, atendimento ao cliente, pesquisa de mercado, televendas, planejamento estratégico.

Engenharia e projetos: Design industrial, desenhos em CAD, modelador 3D.

Quanto ganha um freelancer?

Primeiramente, é preciso entender que a renda de um freelancer é bastante variável.

Nesse sentido, ela depende tanto do profissional em si, quanto da quantidade de demandas em um período.

Além disso, a renda de um freelancer também é impactada de acordo com o tempo que o profissional tem disponível, o tipo de serviço oferecido e a moeda (Dólar, Real, etc).

Para entender todos esses elementos, que fazem a renda do freelancer ser tão variável, você pode assistir ao vídeo abaixo:

Mas, como todas as profissões, cada freelancer pode ter uma experiência.

Existem freelancers bem sucedidos, que conseguem obter uma boa renda mensal, assim como há aqueles que demoram mais a se estabilizarem.

Trabalhar como freelancer

Com as mudanças no mercado que aconteceram recentemente, muita gente começou a considerar novas formas de trabalharcomo o modelo freelance.

Existem algumas vantagens em ser freelancer, como a possibilidade de trabalhar de casa, uma rotina de menos horas de expediente e mais oportunidades.

É claro que ser freelancer exige vontade de empreender e uma boa dose de disciplina, já que você será o único responsável por seu sustento.

Mas, aqui no Guia do Freela, você pode encontrar todas as informações para começar a ser freelancer e ter sucesso nessa jornada!

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /bmarzarotto

Linkedin: /brunamarzarotto

Obrigada e até a próxima!

Leia também: Como saber se uma vaga é boa mesmo

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Picture of Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados

6 respostas

  1. Estou trabalhando como Freela a 5 anos, trabalho em alguns sites nacionais como freela web e 99 freelas e também alguns internacionais como fiverr e workana, venho tendo boas experiência se ganhando clientes, trabalhei para uma gência 10 anos e hoje ganho mais prestando serviços em casa através dessas e outas plataformas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *