Guia do Freela

5 ideias de renda extra melhores que micro tarefas

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Quando falamos em renda extra, muita gente pensa nas famosas micro tarefas. O que nem todo mundo sabe é que existem várias maneiras de garantir alguns trocados à mais, sendo que tem opção melhor que micro tarefas!

A verdade é que, por mais que as micro tarefas tenham ganhado popularidade, elas não são tão práticas ou funcionais para todas as pessoas.

Embora pareça simples baixar um aplicativo ou avaliar uma imagem na internet, por vezes você precisará de muito tempo para ganhar poucos centavos. Nesse sentido, conhecer uma opção melhor que micro tarefas pode te ajudar a faturar mais, em um menor período.

Entenda tudo sobre esse assunto, com 5 ideias de renda extra melhores que micro tarefas a seguir!

Mas o que é micro tarefa?

Por aqui, já falamos muito sobre o que são micro tarefas. Mas, de forma resumida, micro tarefas são pequenas atividades que uma pessoa faz para ganhar dinheiro. Geralmente, são coisas simples e rápidas de serem concluídas, realizadas pela internet.

Gif de dinheiro com asinhas

Algumas das tarefas que você pode realizar são: identificar objetos em uma imagem, classificar dados, transcrever áudio curto, verificar informações em uma lista, marcar itens em uma imagem ou texto, tirar fotos, baixar e instalar um aplicativo, enfim.

As empresas pagam centavos para que pessoas realizem essas tarefas. Para esses negócios, contratar um profissional para ficar focado em atividades tão pequenas não é algo que compensa. Por isso, encontrar pessoas em plataformas de micro tarefas, pagando muito pouco, se tornou vantajoso.

Hoje, existem vários sites de micro tarefas, que fazem essa ponte entre o freelancer e a empresa contratante. É uma maneira segura de oferecer seus serviços (ainda que os sites cobrem taxas).

Porque não é tão bom assim?

Certo, mas porque existe um trabalho melhor que micro tarefas? Se é algo tão simples de ser feito, porque considerar outras opções para renda extra?

A verdade é que, na maioria das vezes, você gasta mais tempo do que deveria para receber poucos centavos de cada projeto pequeno.

Na prática, significa que você precisará trabalhar em muitos micro projetos para ganhar uma quantia aceitável. E por mais que o pagamento seja em centavos de Dólar, nem sempre compensa o esforço.

Isso fica ainda mais claro quando pensamos que esse mesmo esforço poderia ser dedicado para outra atividade, em que o freelancer conseguiria cobrar muito mais pelos mesmos minutos de trabalho.

Além disso, não é difícil encontrar relatos de pessoas que cumpriram determinadas micro tarefas e a empresa contratante não aceitou o resultado, não enviando o pagamento. Já imaginou, ter todo esse esforço para ganhar nada em troca?

Finalmente, é comum que os trabalhos de micro tarefas estejam envolvidos em propagandas falsas. Muitos produtos de conteúdo que dão dicas sobre essas atividades não ganham dinheiro com elas, mas sim com a venda de cursos que “ensinam” a usar sites do ramo.

Por conta disso tudo, melhor que micro tarefas, pense em opções de renda extra mais lucrativas!

Renda extra melhor que micro tarefas

Existem várias opções para ganhar renda extra que podem ser mais lucrativas ou oferecer oportunidades melhores do que as micro tarefas.

Entretanto, é preciso considerar alguns fatores importantes. Por exemplo, dependendo das suas habilidades, tempo disponível e interesses, você pode trabalhar em projetos e áreas específicas.

E para facilitar a sua pesquisa, listamos a seguir 5 opções de renda extra. Certamente, uma delas vai ser melhor que micro tarefas!

1. Freelancer

É claro que a primeira opção seria atuar como freelancer. Mas espera… Fazer micro tarefas não é ser freelancer?

Na prática, é sim! Ser freelancer compreende trabalhar em projetos, sem um vínculo fixo com o empregador. Entretanto, nesse caso estamos falando de fazer freelas maiores, mais complexos e mais lucrativos.

Desenho de mulher freelancer, trabalhando em sua mesa de escritório.

Por exemplo, você pode ser freelancer de design e fazer projetos gráficos ou mesmo sites. Você pode ser freelancer de redação e escrever para blogs de terceiros. Você também pode ser freela de tradução e pegar textos para traduzir.

Para começar uma experiência freela, analise se você tem habilidades ou conhecimentos específicos, que poderiam se tornar serviços prestados.

Uma dica é observar coisas que você já faz no seu dia a dia, seja contratado CLT de uma empresa ou não, e que poderiam ser atividades a serem prestadas para terceiros, em troca de dinheiro.

Depois, seja por meio de sites freelas, ou pelas suas redes sociais e contatos, você pode começar a oferecer seus serviços, cobrando muito mais do que micro tarefas!

2. Consultoria

Ainda falando sobre conhecimentos ou habilidades específicas, uma outra forma de renda extra melhor que micro tarefas é o serviço de consultoria.

Ser consultor significa “emprestar” sua experiência para ajudar outras pessoas ou negócios.

Homem falando "esse é um ótimo conselho!

Um exemplo prático seria um contador, que pode prestar consultoria para pequenas empresas, mostrando como elas podem economizar no pagamento de impostos.

Ou seja, estamos falando em identificar pontos ou coisas que você sabe fazer, para oferecer como consultoria e orientar pessoas ou negócios a fazerem o mesmo.

Uma das maiores vantagens das consultorias é que você pode cobrar tarifas mais altas por projetos especializados. Por mais que você precise de um tempo maior para analisar cenários e dar orientações, no longo prazo o valor recebido compensa.

3. Vendas de Produtos Online

Outra fonte de renda extra melhor que micro tarefas é a venda de produtos online. E aqui, temos duas opções interessantes!

Para começar, você pode criar uma loja online e vender produtos físicos ou digitais. Você mesmo pode estruturar um estoque, disponibilizando os produtos para comercializar pela internet.

Nesse sentido, é preciso considerar se você quer fazer um e-commerce “do zero”, ou usar plataformas de marketplace, como Shopify, Shopee ou Amazon. Não há uma resposta definitiva entre um ou outro: a dica é pesquisar sobre vantagens e desvantagens de marketplace e site próprio.

Gif de ecommerce

Além disso, você também pode vender por meio de programas de afiliados. Essa prática envolve divulgar produtos ou serviços de outras empresas, para ganhar comissões por cada venda ou ação realizada por meio de seus links de afiliado.

Sites como Magalu, Hotmart, Amazon e outros aceitam inscrição de afiliados. Depois, com um link próprio, é só criar uma estratégia de vendas.

O melhor desse modelo de afiliado é que você não precisa ter estrutura de estoque, ou mesmo se preocupar com a logística. Sua única obrigação é vender por meio dos seus links, garantindo uma participação nos lucros.

4. Ensino Online

Se você possui conhecimento em uma área específica, pode oferecer aulas particulares ou criar cursos online.

Personagens de desenho estudando via Zoom.

Plataformas como Udemy, Coursera ou Teachable permitem que você compartilhe seu conhecimento e ganhe dinheiro com isso.

Além disso, você também pode dar aulas particulares por meio de ferramentas como Zoom ou Google Meet, sem precisar sair de casa!

Quem quer investir nessa renda extra, que é melhor que micro tarefas, pode combinar com uma estratégia de produção de conteúdo online.

Ccriar vídeos, podcasts ou outros tipos de conteúdo, ajuda a levar o seu nome como professor ainda mais longe. E você pode também ganhar valores extras ao monetizar os conteúdos com anúncios.

5. Venda de Fotografias ou Arte

Você já ouviu falar em sites como Freepik e Shutterstock? Esses sites permitem que usuários façam o download de materiais gráficos de outras pessoas, pagando uma comissão por item baixado.

Assim, se você é um fotógrafo talentoso ou artista, pode vender suas fotos ou obras de arte em sites do ramo.

Caco tirando foto

É claro que existem critérios de qualidade que precisam ser seguidos, como a quantidade de Pixels por imagem. Entretanto, é uma opção muito interessante para quem gosta de fotografia – seja como hobby ou como um profissional.

Para os designers, é possível vender seus vetores feitos no Photoshop ou Illustrator nesse tipo de site. No final, esta se torna mais uma maneira de monetizar em cima de um projeto gráfico.

Rendas extras para todos!

Como você viu, existem várias maneiras de ter uma renda extra. Nós listamos apenas 5 delas, mas existe uma infinidade de modelos e opções!

É importante lembrar que o potencial de ganhos pode variar muito com base na sua experiência, esforço e dedicação.

Por isso, escolha sempre uma opção que se alinhe com seus interesses e habilidades para que você possa se dedicar a ela com entusiasmo.

Além disso, vale frisar que o propósito deste artigo não é te desmotivar de fazer micro tarefas – mas te apresentar outras opções que, com um pouco mais de esforço, vão gerar mais lucros.

Assim, antes de se cadastrar em sites de micro tarefas, considere outras opções de renda extra. Pode ser que você descubra maneiras bem melhores de conseguir um dinheirinho à mais (e talvez, descubra até uma profissão).

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /guiadofreela_

Obrigada e até a próxima!

Leia também: Avaliador de mídia: o que é e como trabalhar com isso?

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados
Homem com semblante preocupado enquanto olha para a tela do notebook. Com uma mão ele segura o mouse, e com a outra apoia a cabeça. Ele está sentado em uma cadeira, em frente a uma mesa. Ao fundo, uma sala de estar.
Carreira freela
Não consigo freelas, e agora?

Você preparou seu portfólio, se cadastrou em sites freelancers e, ainda assim, está dizendo “não consigo freelas”? Calma, tem solução!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *