Guia do Freela

Seja freelancer em 5 dias

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Todos os dias, muitas pessoas percebem que gostariam de trabalhar por conta própria. Entretanto, um impeditivo comum é não saber por onde começar. Mas já pensou se tivesse como dar os primeiros passos como freelancer em 5 dias? 🤗

Por mais que não exista uma “receita de bolo”, algo que se você seguir item por item é garantia de sucesso, tem como se basear na experiência de outros profissionais para identificar um caminho.

Assim, neste artigo (e no vídeo abaixo 👇) eu preparei um guia para quem quer ser freelancer em apenas 5 dias! Dá o play ou continue a leitura a seguir!

Mas antes de começarmos, é importante que você saiba de três coisas.

Primeiro, esse guia não leva em consideração se você tem um trabalho CLT atualmente ou não. Ou seja, ele serve para todos os cenários profissionais.

Segundo, aqui no Guia do Freela e no YouTube já temos vídeos detalhando todas essas etapas. Por isso, ao longo do artigo, você vai encontrar alguns links úteis, caso queira se aprofundar. É só clicar para abrir novas abas, com outros conteúdos.

Por fim, essa estrutura foi pensada em cinco dias para que você possa fazer um pouquinho diariamente, sem ficar cansado ou desanimado. Você pode ler o artigo todo de uma só vez, ou voltar aqui dia após dia para verificar somente a tarefa que precisa ser feita.

E então, preparado para ser freelancer em 5 dias? 😉

Dia 1: Identificar e entender o seu nicho de atuação

Nicho de atuação é a área profissional que uma pessoa trabalha. No universo freelancer, identificar e entender o seu nicho é importante porque te ajuda a traçar quais serviços você pode oferecer.

Existem vários nichos diferentes. Você pode ser do ramo do design, redação, programação, fotografia, tradução, enfim. Pense no nicho como o “guarda-chuva” que acomoda a sua profissão ☂.

Para identificar o seu nicho, você pode seguir dois caminhos. O primeiro, é considerar sua área de formação ou o ramo que você tem mais experiência. Neste sentido, para mim seria o design, que é minha graduação.

Agora, se você está pensando em mudar de carreira, uma segunda alternativa é identificar suas habilidades ou áreas que tem interesse. Por exemplo, apesar de eu ser designer, minha habilidade em redação se transformou em um segundo nicho.

A partir do momento que você identifica o nicho, é hora de entendê-lo. Pesquise no Google ou em sites freela quais são os serviços relacionados com essa área.

Nesse sentido, é bacana analisar e se perguntar algumas coisas:

  • Você já tem conhecimento o suficiente?
  • Precisa aprender algo?
  • O que os outros freelancers oferecem?
  • Qual seria o seu diferencial diante deles.

Quanto mais informações você tiver sobre o seu nicho, melhor será para as próximas etapas.

Dia 2: Construa o seu portfólio

O portfólio é uma ferramenta bastante comum no universo freela. Por isso, quem entrar nesse projeto de ser freelancer em 5 dias, precisa estar habituado com seu conceito.

O portfólio, nada mais é, do que uma seleção dos seus melhores projetos. No design e na redação, é muito comum que os freelancers tenham um site ou mesmo uma pastinha que apresente essa seleção.

Portfólio de redação

É por meio do portfólio que um potencial cliente conhece o seu trabalho. Mas como montar um bom portfólio? 🤔

Aqui, precisamos considerar dois cenários: para quem quer atuar em um nicho que já tem experiência e quem está entrando em uma área nova.

Para aqueles que já possuem experiência na área, a dica é separar TUDO o que você desenvolveu até hoje e selecionar os projetos que você considera mais interessantes. Não há um número de itens, mas tente fazer uma seleção que represente seu trabalho como um todo.

Entretanto, se você vai para um nicho que nunca atuou, precisará fazer um portfólio do zero.

Nesse sentido, uma boa dica é pesquisar em portfólios de freelas concorrentes para entender o que eles oferecem. Liste tudo o que você encontrou de interessante e que pode “replicar”, em projetos fictícios.

Por exemplo, se você quer atuar como designer de logos, pesquise o que freelas dessa área costumam oferecer. Depois, desenvolva alguns modelos de logo como projetos fictícios (significa que não estão sendo pagos por clientes), mesmo para marcas famosas, apenas para demonstrar suas habilidades.

É claro que, no caso de ter que desenvolver um portfólio do zero, você não vai conseguir fazer tudo em um dia. Assim, estruture o que você precisa criar e trabalhe um pouco todos os dias.

Dica extra: neste vídeo, trago os 5 principais erros de portfólio para você evitar ao montar o seu!

Dia 3: Cadastro em redes sociais e sites freela

Na terceira etapa dessa sequência para ser freelancer em 5 dias, você vai focar seus esforços em fazer cadastros e criar contas em redes sociais e sites freela.

Vamos começar falando das redes sociais!

Você pode optar por criar uma conta nova só para expor seus trabalhos ou aproveitar a conta que você já tem.

Instagram, Facebook e YouTube são as principais redes usadas pelos freelancers. Entretanto, considere criar uma conta no LinkedIn, que também traz boas oportunidades para profissionais autônomos.

Caso você queira centralizar seus trabalhos na sua conta de rede social atual, lembre-se de atualizar a bio com o que você faz, além de links para portfólio.

Inclusive, todos os itens que você selecionou na etapa anterior, podem ser publicados nas suas contas de redes sociais. Assim, você tem uma espécie de portfólio bem dinâmico. 😊

Sobre os sites freela, existem dezenas de opções! Você pode conhecer alguns nessa playlist do YouTube!

Escolha alguns e dedique o dia de hoje para fazer os cadastros com cuidado e atenção. Vale até acessar as contas de outros freelas para se inspirar no que seus concorrentes estão fazendo.

Não tenha pressa! Preencha tudo com calma, para garantir criar um perfil atrativo para os potenciais clientes.

Dia 4: A carta de apresentação

Talvez você ainda não conheça, mas a carta de apresentação é uma ferramenta essencial para o sucesso de um freelancer – especialmente dentro dos sites freela.

Isso porque, esse texto é uma apresentação que você envia ao se candidatar para vagas, contando quem você é, o que você faz e porque pode ajudar o cliente.

Uma boa carta de apresentação conta com três partes principais: um resumo sobre você e seu trabalho, como você pode solucionar o problema do cliente e um convite para entrar em contato.

Por isso, é muito importante que você construa uma carta que tenha um espaço para personalização. É ali que, após ler o anúncio da vaga, você vai contar para o cliente o que fará para ajudá-lo.

Saiba que a carta de apresentação é um instrumento mutável. Ou seja, de tempos em tempos você precisará ajustá-la.

Mais uma vez, não tenha pressa! ⏳ Escreva com calma, revise várias vezes e construa uma carta que desperte a curiosidade do cliente em falar com você.

Dia 5: Hora de prospectar!

Essa sequência para ser freelancer em 5 dias não poderia terminar de forma diferente: é hora de prospectar projetos!

Se você não tinha percebido antes, todas as etapas foram pensadas para que, ao ir em busca de projetos, você já tivesse tudo organizado.

Freelancer prospectando

Assim, agora você vai usar suas contas em sites freela e até as redes sociais para procurar por potenciais clientes.

Foque em procurar vagas que sejam dentro do nicho que você escolheu. Use sua carta de apresentação e seu portfólio para causar uma boa impressão.

Importante ⚠: saiba que é muito comum sentir ansiedade antes de pegar os primeiros freelas. Entenda como administrar essa emoção para que você não fique desesperado.

Também não tenha medo de se arriscar! Você vai precisar se expor se quiser ser freelancer, e isso inclui fazer uma prospecção ativa.

E claro, tenha em mente que prospectar será algo frequente na sua vida daqui para a frente. É algo constante que os freelas precisam fazer sempre.

Freelancer em 5 dias

E então? Você acha que é possível ser freelancer em 5 dias? A verdade é que se você seguir este guia, provavelmente vai conseguir estruturar seu projeto freela para dar os primeiros passos rapidamente. 🤗

É esperado que a parte de prospecção leve mais do que um dia. Afinal, conseguir o primeiro projeto pode ser desafiador.

Mas persista! Faça testes, mude sua carta de apresentação, continue estudando. Assim, muito em breve, você estará atuando por conta própria no mercado!

Vem me acompanhar nas redes sociais:

Canal no YouTube: /BrunaMarzarotto

Instagram: /guiadofreela_

Linkedin: /brunamarzarotto

Obrigada e até a próxima!

Leia também: 5 sinais que a carreira freela é para você!

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Picture of Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *