Guia do Freela

Workaholic ou desorganizado? 3 dicas para ser um freelancer mais produtivo

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado

Índice

Posts Populares
Quer começar sua carreira Freelance?

Clique no botão abaixo e receba um checklist com o passo a passo para iniciar!

Na semana passada, rolando o feed no Linkedin, eu me deparei com esse ótimo print que diz “Você não é workaholic, você é desorganizado”. Mas será que tem diferença entre workaholic ou desorganizado? Com 3 dicas para ser um freelancer mais produtivo, eu vou provar que não! 🤗

alt= "Print de uma rede social onde o usuário diz "Você não é workaholic, você é desorganizado""


A definição de workaholic é uma pessoa viciada em trabalhar, que opera muito mais horas do que devia. E essa frase da print me pegou porque, como pessoa que sempre afirmou ser workaholic, somente em 2020 descobri que o que me faltava mesmo era ordem. 😅

Sabe quando rola aquela identificação? Então, foi o que aconteceu comigo ao ver essa print.

Normalmente, a pessoa workaholic é tida como alguém que ama tanto o seu trabalho, que acaba com uma rotina desequilibrada entre a vida profissional e a pessoal.

Mas quando paramos para analisar os principais motivos por trás do “vício em trabalho”, é comum encontrarmos 3 tópicos:

  • A pessoa tem muitos compromissos, por isso trabalha demais;
  • A pessoa está envolvida em muitos projetos, por isso trabalha demais;
  • A pessoa não tem prioridades bem definidas e, por isso, trabalha demais.

💻

O detalhe é que se observarmos esses três fatores sob outra ótica, nos deparamos com um comportamento comum: a desorganização.

Se você trabalha demais, é porque não tem prioridades claras (desorganização), porque tem muitos compromissos (desorganização) ou porque está envolvido em muitos projetos ao mesmo tempo (desorganização).

Workaholic ou desorganizado?

Por mais que você ame o seu trabalho, é preciso entender que a vida não se resume somente à isso. Portanto, buscar formas de organizar a rotina é a chave para sair da desordem e ser apenas um freelancer que gosta muito de trabalhar – mas de um jeito saudável. 😊

É bem possível que, se você analisar com calma, vai perceber que ao invés de workaholic, você apenas não domina técnicas de organização. (Mas essa é só minha opinião, né? Just saying…)

Como pessoa que sempre se descreveu como workaholic, principalmente na minha experiência como freelancer, precisei criar métodos de me organizar e vou confessar que isso melhorou MUITO a minha rotina.

Compartilho 3 dicas de produtividade para freelas, a seguir, e elas provam que, se você se organizar, você não precisa ser workaholic.

3 dicas para ser um freelancer mais produtivo

1. Coloque em prática o método Pomodoro

Um dos momentos em que tive um “estalo” quanto a #vidadefreela foi ao conversar com uma amiga, ilustradora freelancer, que relatou que usava o método Pomodoro para manter o foco. Graças à isso, ela trabalhava bem menos horas do que eu, e conseguia ter tempo livre para suas atividades pessoais.

alt= "Relógio culinário em formato de tomate, conhecido por ser a origem do método Pomodoro."
O nome do método teve origem em um relógio culinário como este!

Na hora eu fiquei chocada. Apesar de já ter ouvido falar do método (meu noivo, Gustavo, já usava), foi só na conversa com minha amiga que eu pensei que eu deveria experimentar.

E para quem não conhece, funciona assim: o Pomodoro quebra em blocos o tempo que você tem no dia. Uma das divisões mais populares é quatro blocos de 25 minutos de foco, separados por 5 minutos de descanso entre eles. No final do último bloco, o descanso é de 15 minutos.

Significa que, nos 25 minutos, você deve se esforçar para focar na tarefa que precisa fazer, já que na sequência, terá alguns minutos de descanso. Além de ajudar a manter o foco, aumentou também minha produtividade. 😊

Eu uso o aplicativo Focus 10, no Windows mesmo, mas existem sites de Pomodoro para usar online, além de aplicativos interessantes para o smartphone. Você devia experimentar!

2. Organize a sua agenda de projetos para ser um freelancer mais produtivo

Não importa se você prefere uma agenda de papel ou o Google Calendar: é fundamental organizar sua rotina de projetos, para evitar sobrecarregar um dia em relação aos outros.

No meu caso, eu gosto de agenda de papel (old school demais! 👩‍🦳). Quando entra um projeto, já coloco na agenda qual dia vou reservar para trabalhar nele.

alt= "Mão feminina segurando um caderno com frases escritas, clips e post-its, demonstrando como ser um freelancer mais produtivo."
Foto da minha agenda de projetos, que preencho diariamente.

Além disso, diariamente, depois do café da manhã, pego a agenda e completo com outros compromissos que preciso realizar no dia (incluindo estudar inglês ou fazer atividade física).

Essa parte de organizar os compromissos na agenda fica mais fácil à medida que você consegue identificar quanto tempo leva para desenvolver cada atividade, fazendo uma divisão de tarefas muito mais dinâmica e funcional.

E é claro que existem dias que eu acabo deixando muita coisa para fazer ao mesmo tempo. Isso acontece. Mas com uma rotina mais organizada, eu consigo equilibrar um dia muito corrido, com outro mais tranquilo.

3. Descubra o que te distrai e fuja dessas coisas!

Como eu falei antes, eu tenho uma facilidade bem grande para me distrair. Quem se identifica? 🙋‍♀️

Mas uma coisa que descobri e me ajuda a ser um freelancer mais produtivo é fugir das coisas que são distrações para mim.

alt= "Pessoa de costas usando o smartphone. Na tela, vê-se ícones de redes sociais. Um desafio para ser um freelancer mais produtivo"
Aquela olhadinha não tão rápida nas redes sociais.

Quer um exemplo? O Twitter. Por mais que eu fale muito pouco por lá, eu amo rolar o feed e ver o que está acontecendo. Sabendo disso, eu faço meu melhor para evitar abrir o Twitter quando estou no meio de um Pomodoro e procuro entrar só nos meus momentos de descanso.

Se o seu ponto fraco for redes sociais, dá de instalar bloqueadores no navegador. Se o seu problema for dificuldade em concluir projetos, buscar estratégias específicas para esse comportamento pode fazer toda a diferença.

O importante é identificar o que pode te tirar do foco da produtividade e aprender a pular esses obstáculos.

Ao readequar a minha rotina e pensar em formas de aproveitar o tempo de trabalho para, de fato, trabalhar, eu consegui deixar de ser uma workaholic/desorganizada para ser uma freelancer produtiva.

Isso fez toda a diferença na minha carreira e, mais ainda, na minha vida pessoal. Esse projeto do Guia do Freela, por exemplo, só saiu do papel porque consegui abrir espaço na agenda ao ser mais organizada.

Bora deixar de ser workaholic também e virar um freelancer mais produtivo? 💚

Leia também: Expectativa x Realidade de ser freelancer.

Quer descobrir como ganhar dinheiro pela internet?
Baixe agora o E-book 100% Gratuito que revela 03 passos fáceis e comprovados para começar a vender como afiliado
Picture of Bruna Marzarotto
Bruna Marzarotto
Designer e redatora freelancer, apaixonada por viajar. Compartilho as delícias (e umas poucas dores) de trabalhar como freelancer e o que você pode fazer para ter esse estilo de vida.
Posts Relacionados

4 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *